segunda-feira, 2 de março de 2009

Últimas semanas, é isso aí!

Queridos, encontrei um texto bem interessante e repasso aqui pra vocês:

"Preparando-se para o trabalho de parto
Se você está esperando seu primeiro filho, você deveria começar a adotar o estilo de vida descrito na seção anterior por volta da 35ª semana de gravidez. É nesta época que o bebê “afunda” na sua pelve, e esta é a hora que você pode ajuda-lo a encaixar na posição certa. Se você está esperando seu segundo filho, apesar de o bebê não encaixar na sua pelve até mais tarde, ainda é melhor tentar manter suas costas em direção à parte da frente do seu abdômen a partir da 35ª semana.
Algumas vezes as mulheres têm muitas dores, bastante desconfortáveis, por vários dias antes que o trabalho de parto efetivamente comece. Elas podem ser muito cansativas. Entretanto, estas dores podem ser devidas ao fato de que seu bebê está tentando virar de uma posição posterior para uma anterior. A melhor maneira de lidar com elas é tentar descansar o máximo possível durante a noite, e durante o dia manter-se ereta e ativa, inclinando-se para frente durante as dores. Coma e beba regularmente para manter a sua força. E não desespere. A Natureza está virando o seu bebê na melhor posição para o parto.
Como eu posso melhorar a posição do meu bebê durante o trabalho de parto?
As mulheres instintivamente sabem como conduzir seu trabalho de parto se elas forem deixadas sozinhas e à vontade. Entretanto, dar à luz num hospital às vezes significa que é mais difícil fazer o que seu corpo lhe pede para fazer por causa da falta de espaço na sala de parto ou porque você tem que se deitar para que vários procedimentos sejam feitos. Tente:
- Manter-se ereta o maior tempo possível.
- Evitar deitar-se na cama por qualquer período de tempo.
- Inclinar-se para frente durante suas contrações.
- Pedir ao seu acompanhante de parto que massageie suas costas.
- Balançar sua pelve durante as contrações para ajudar o seu bebê a virar enquanto passa pela pelve.
- Evitar sentar-se numa cadeira ou numa cama numa posição reclinada para trás."
http://www.amigasdoparto.org.br/2007/index.php?option=com_content&task=view&id=262&Itemid=75

Achei pertinente o assunto, porque, apesar de não estar na semana 35, ainda, já sinto dores na pélvis. Para ser clara, às vezes é como se uma daquelas serras de cortar pão (não me perguntem a razão, mas é como visualizo!Rs) estivesse me cortando bem na pélvis, e às vezes, é como se eu tivesse levado alguns socos e tivesse ficado só a dor... Claro que não é na intensidade que provavelmente muitos vão imaginar! Eeheheheh.
Mas, é bem incômodo.
Por outro lado, fico mais do que feliz porque acredito que Manuela já deu o sinal pro meu corpo de que quer começar a descer, por isso o quadril doendo para alargar. A symonne notou e eu notei que a barriga deu uma ligeira abaixada. A anatomia é uma coisa espetacular mesmo, porque só de apalpar minha barriga inteira dá pra perceber como ela mudou para esse ultimo trimestre. Manuela mais apertada, move muito e de forma intensa e firme. O útero está enorme, o apetite normal diminuiu, porque não há muito espaço pro meu estômago e a barriga pesa muito mais! Rs.
Essa semana terei novidades da Manuela, como o peso dela e seu encaixe!
Beijos a todos!
Gilda e Manú

Um comentário:

Pri sem ar disse...

Meninaaaaaaaaa
que delicia a Manú encaixando!!!! O Pedro tá alto e eu sem ar! rs
To de 38+1 e hoje (segunda) ta fogo!!! Acordei como se tivesse comido 3 pratos de feijoada!
Marcamos uma nova consulta pra 6ª feira...se ele nao resolver sair antes! rs
Bjks