sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Curso de Gestantes...Rs


Ufa! Finalmente, uma manhã em casa! Rs.

Fui ao oftalmologista ontem e descobri que meu segundo par de óculos (tenho 3)

está errado no lado esquerdo...Eu sempre desconfiei disso, e já havia levado a um consultório

para checagem, e haviam me dito que ele estava perfeito...

O terceiro par fiz há pouco mais de um mês, pra ver se aposentava o primeiro par...Rs...Mas, como nunca aumentou meu grau e nem sabia por onde andava a receita, mandei fazer o novo par

como cópia do segundo par...É...Levei os três pares ao oftalmo e ele confirmou que o segundo e terceiro são iguais e estão errados no lado esquerdo...Isso explica a dor de cabeça que vinha sentindo...Cheguei até a pensar em uma pressão alta na gravidez, mas, nada disso...

Agora, mandarei acertar os dois pares...Aiaiai...

Fui à PUC, também, por ter recebido aviso de que deveria fazer minha matrícula na própria PUC...Atravesso a cidade, encontro vaga lá dentro, espero informações (que lugar é aquele SIGA? Ninguém parece querer trabalhar, e olhar, atender, então..hum...), e descubro que foi engano da PUC, que aquela mensagem só deveria ter ido para alunos com matrícula trancada...Aiaiiaaiai...

Bom...Cheguei em casa e Antonio já me esperava...Começamos ontem o curso de gestantes do hospital Santa Cruz. A primeira palestra foi de uma obstetra, que tratou dos efeitos do parto cesárea e normal. Fazíamos perguntas e ela, muito simpática, respondia. Mas, ela tratou a cesárea como uma opção...Ai, será que eu sou uma reacionária? Que acho que mulher tem que ter parto normal?

Eu penso que o parto normal virou tabu. É isso mesmo! Todas pensam que a dor é demais, que o tempo é demais, que nada melhor do que uma cesárea! Culpa dos filmes que mostram mulheres histéricas tendo filhos? Culpa dos obstetras que acham perfeito marcar dia e hora pro bebê nascer? Não sei, mas, que tudo isso se envolve de tal forma que criou uma cultura de parto cesárea, isso é certo. E convencer as mulheres a tentarem um parto normal...Ixi! Deveras difícil, meu caro Watson! Rs.

Passaram um vídeo de um parto cesárea, do serviço exclusivo de filmagem do hospital. Os médicos puxando com força a barriga da mulher, o bebê nasce e a mãe não vê, vai fazer exames, fica com o pai, depois que vai com a mãe, que está grogue da cirurgia, não pode se mexer e mal pode interagir com o filho...Poxa, isso me incomodou mais do que o tempo de um parto normal...

Eu me pergunto para quem é melhor, afinal, um parto cesárea? A não ser que seja inviável um parto normal, só assim considero válida a cesárea. É, estou sendo radical...

A médica palestrante tem duas filhas, todas nascidas de parto normal...

Ah, esse assunto ainda vai ser mencionado muito aqui, não sai da minha cabeça...Rs.

A segunda palestra foi com uma fisioterapeuta, cujo trabalho é esclusivo ao períneo. Pois é, eu já venho fazendo os exercícios para o períneo desde o início da gavidez e a palestra dela foi ótima! Primeiro, homens e mulheres precisam fazer atividades no períneo. Há problemas de ereção e incontinência urinária masculina relativas ao períneo flácido.

Segundo, mesmo a mulher que fez cesárea pode ter problemas de períneo, porque ele fica bem abaixo do útero e o que provoca sua flacidez é o peso do útero sobre ele...

Terceiro, mulheres que não tiveram filhos podem ter incontinência urinária por causa de períneo flácido, também...

Então, além de passar exercícios básicos para o períneo, a fisioterapeuta fez exercícios básicos pras pernas, coluna e respiração. Fiquei mais feliz porque tudo o que ela fez eu já faço na yoga, ou seja, as aulas de yoga traduzem tudo o que é importante para a gravidez, Yes!!! Rs.

Depois disso, houve um lanche de-li-ci-o-so!!! simplesmente tudo de bom!! ahahahahah

E após, conhecemos um apartamento do hospital, o berçário (havia uma única menina, e dois meninos lá) e passamos pelo centro cirúrgico.

Na volta, batemos uma foto, de brinde. Rs. Quando recebermos, posto aqui e mostro pra vocês, tá? Rs.

Havia mais de dez casais. achei bem legal! Praticamente todas acompanhadas dos futuros papais, estava um ambiente realmente legal!

E a Manuela? rebolou o dia inteirinho! Não sossegou! Gente, ela chutava muito durante todo o curso. E eu ria, e contava pro Antonio. Tadinho, ele quer tanto sentir, mas ainda não dá...

Serão mais duas quintas feiras de curso. Na próxima, ensinarão a darmos banho no bebê, com bonecas...Rs.

A enfermeria que coordena o curso se chama Denise, é muito atenciosa e ela tem uma equipe de enfermeiras que prestam serviço particular pós parto! Achei tão legal isso! Elas vão na casa da mãe nos primeiros dias após o nascimento orientar sobre banho, amamentação, cuidados, umbigo. Precisamos desse tipo de serviço mesmo!

Rs.

Eu falei pro antonio que deviamos filmar o parto, porque aí, todo mundo no hospital pega direitinho na nossa bebê, cuida direitinho, porque está sendo filmado...Eheheh! Mas, R$350, 00... Cada coisinha que queremos custa em torno de R$ 350, 00...Assim, é conta demais! Rs.

O Thiago nasceu, filho da minha prima, Tônia. Ele nasceu gordinho, com 4,5kg! A vantagem de nascer grandão assim é que não fica com cara de joelho...Rs! Eu achei o Thiago a cara do pai...É assim mesmo, a gente carrega 9 meses e eles ainda nascem com a cara do pai! Pode? Aahhahaah. Pela ecografia, a Karin e o Edgar já acharam a Manuela a cara do Antonio...Estão vendo só? É, injustiça da natureza...Ahhahahahah

A Manuela está rebolando dentro de mim...Rs.

Cuzcuz está aqui comigo. Ele brinca com um ossinho enquanto eu digito. Manuela mexeu forte agora! Rs. Eu comentei logo no início que o médico acalmou Antonio sobre nossos cães, não foi?

Pois é, também não dá pra pensar que vamos ter todas as doenças na gravidez, ainda mais que meus cães fazem mais hidratação nos pêlos (é isso mesmo!!!) do que eu na minha vida toda!! ahahahahah. Eles tomam mil vacinas, mil remédios pra vermes, pulgas, tomam banhos, são muito bem cuidados, ora! Rs.

Também não dá pra ficar agindo como na época das nossas avós que mantinham cães sem todos os cuidados de hoje e estavam mais suscetíveis às contaminações, não é mesmo? As pessoas mudam, a cultura de cuidar dos bichos muda, e estudamos e aprendemos para não repetir o que já mostramos estar errado nos hábitos passados.

Manuela até se remexeu muito agora! Eeheheheh

Então, hoje, na foto eu e cuzcuz, que está tão cheiroso, depois de mais um banho de hidratação! Eheheheh
Beijos meus e da Manuela, irrequieta! Rs.



6 comentários:

Carolina disse...

Querida.....amei a fotinho com o Cuzcuz....já não era sem tempo....ai que saudade da Moraes e Silva 51....

Em relação aos bebês nascerem a cara do pai tb acho um absurdo....rsrsrsr...sempre falei que essa é a primeira ingratidão de um filho p/ com a mãe que engorda, tem enjôos, fica hiper sensível com os hormônios alterados, tem que parar de comer e beber um monte de coisas e, por fim passa por uma cirurgia e o filho (a) nasce a cara do pai....é mole?!

Desculpa aí Antônio querido....rsrs


Queridos...saudades!!!!

Carol

Andréa Rocha disse...

Gilda, super apoiada na tua idéia do parto normal. Eu tive e foi tudo de bom. Minha filha ajudou tanto no parto. Ela mexia a cabeça, empurrava, nasceu super esperta e foi direto pro meu colo. E a recuperaçao da mae entao é super rapida! A gente pode aproveitar melhor os primeiros dias com nosso bebê. Essas tuas palestras parecem se otimas. Que coisa boa! Beijos pra vc e pra Manuela.

Pri, PP, Rafa disse...

Ta linda a fotinho!!
Ai, vc sabia q no último US, o Pedro tava com o nariz do Rafa??
Todo arrebitadinho e pequenino (não que o meu seja grande, mas o dele é pequenininho! rss).
Sabe q vc falou do curso, eu tinha até esquecido!!!! É tanta coisa...
Bjks

Carolina disse...

Amiga!!!!

Estava trocando as fotinhos daqui do meu mural e encontrei uma fotinho daquele nosso almoço que foi lá na tua casa....ainda eramos vizinhas de porta, lembra?
Coloquei no meu mural...estão na foto eu, tu, Alexandre, Thula, Paulo, Henry e .....o Cuzcuzito em cima do sofá.....ahahaha...pelo visto ele continua danado....

Bjs

Saudades

Carol

Kirnna disse...

Nossa Gilda! Deve ter sido bem legal mesmo o curso....
Linda sua foto com o cuzcuz...
Estamos achando que a Lilica está prenha....acho que vou ser vovó...
beijão em vcs

Alan disse...

Oi Gilda!

Não tem "comparamento". O parto normal é difícil mas é só aquilo. A recuperação é mais rápida (e olha que Anne teve de parar no hospital por causa da placenta).
Um absurdo este descaso do médicos. Aqui a primeira coisa que instrutora do curso fez foi meter o cacete na cesariana e até nos convenceu a ter a Louisa em casa! Faremos tudo de novo é claro com o próximo bebe quando vier.